quarta-feira, 13 de janeiro de 2010

Lumiar - Nova Friburgo-RJ

História da Região


Histórico

A cerca de 30 Km do centro de Nova Friburgo encontra-se uma das mais belas regiões do país, com rios de águas límpidas, cachoeiras, montanhas imponentes e arquitetura influenciada pela colonização Européia.


Lumiar, São Pedro da Serra, Rio Bonito, Boa Esperança, Macaé de Cima, Cascata, Vargem Alta, Benfica e Galdinópolis são os lugarejos que compõem esta região, das mais procuradas por eco-turistas. Pequenos paraísos da região serrana onde o progresso ainda não deteriorou.
A região está a 585 metros de altitude, cerca de 300 metros abaixo de
Friburgo, o que proporciona um clima agradável e, no verão, altamente propício para banhos de rio. Esta altitude oscila na região, chegando a 1.500 metros em Macaé de Cima.
A história da região vem desde a época de D. João VI, em 1818, durante a colonização suiça.
O vale do Rio Macaé foi ocupado a partir do êxodo dos colonos insatisfeitos com as terras que lhes foram oferecidas durante a colonização. Foi as
sim que surgiram os povoados de são Pedro da Serra, Lumiar, Boa Esperança e outras regiões. Em 1824 foi a vez de colonos alemães e em seguida libaneses e italianos.
Sua subsistência era dedicada ao cultivo do café, que ganhava mercado durante este período. Ainda hoje pode-se observar a presença dos descendentes desses colonos.
Lumiar de
staca-se pelos seus rios encachoeirados de águas limpas e natureza bela.
São Pedro da Serra está situado em meio às montanhas da Serra do Mar. No local ainda encontram-se florestas de Mata Atlântica remanescente, comprando-se aos primórdios do período da colonização.
Ainda hoje encontramos construções da época das fazendas de escravos. A população usava a flora como alimento e medicação, assim como criações de animais.
Devido ao seu isolamento econômico, o local ainda utiliza recursos de épocas passadas: cavalo, fogão à lenha, métodos rudimentares etc.
A energia elétrica só chegou ao local em 1985, e em 1988 tornou-se distrito de Nova Friburgo.
Com o passar do tempo e a natural vocação para o eco-turísmo, a região foi demandando necessidades que culminaram com a chegada das comunicações digitais em 2001.



informações : info@spedrolumiar.tur.br

História de Nova Friburgo 4

En 18 de abril de 1820, Nova Friburgo se emancipo y se instalo la Cámara Municipal, compuesta de un juez-presidente, tres concejales y un procurador que tenían mandato de un ano. En 1873, otro año que a marcado la villa, fue inaugurada la Estrada de Ferro Leopoldina, que facilito el acceso a las personas, bien como la llegada y salida de las mercadurías. Ya en 08 de enero de 1890, Nova Friburgo dejo de ser villa y fue elevada a condición de ciudad. En esta época fue fundada la Fábrica Ypu, que por anos fue símbolo de la economía local, por el industrial alemán Falk. El trajo Julius Arp, propietario de industrias en Santa Catarina, que instalo su fábrica de rentas en nuestro municipio. Fue Julius Arp quién trajo la energía eléctrica para Nova Friburgo, con la construcción de una usina hidroeléctrica. Encontró mucha resistencia junto a los Concejales, que retardaron cuanto pudieran la implantación de su proyecto. Pero en la noche del 17 de mayo de 1911, conocida como "Noite dos Quebra-Lampiões", la población se revolcó rompiendo los lampiones instalados en las calles y atacando la sede del gobierno. Así fue instalada la energía eléctrica en la ciudad y a 24 de junio de 1911 fue inaugurada la Fábrica de Rentas Arp.

Véu das Noivas - Nova Friburgo-RJ

Encontro dos Rios, Lumiar - Nova Friburgo-RJ




Parque São Clemente - Nova Friburgo-RJ

Tres Catarinas - Nova Friburgo-RJ

Poço Feio, Lumiar - Nova Friburgo-RJ